Comunidade CROSP de Proteção no Agentto™

A Iniciativa

Em função dos recentes e lastimáveis episódios de violência contra dentistas, o CROSP sentiu-se na obrigação de atuar ativamente para a proteção individual e coletiva dos Profissionais de Saúde Bucal de São Paulo.

Ao buscar soluções, conheceu o Agentto, uma nascente rede social de segurança pessoal e pública, concebida e lançada aqui do Brasil. Seu desenho inteligente e único no mundo permite que a sociedade se organize em várias camadas de proteção, as quais o Agentto chama de “Rede de Confiança”.

No nosso caso, cirurgiões-dentistas, seus familiares e amigos, consultórios e clínicas, funcionários e vizinhos podem construir redes solidárias de proteção, tendo, gratuitamente, recursos avançadíssimos para evitarem e atuarem em situações de perigo.

Além de estimular e orientar o uso da solução por cada dentista e seus círculos de convívio, para que a comunidade se forme e seja atuante, o CROSP montou uma camada de proteção adicional: um protetor comunitário cobrindo todo o Estado.

Esse protetor irá reunir as ocorrências da comunidade CROSP e acompanhar suas resoluções perante as autoridades de segurança.

O Efeito

Por serem um ponto estático necessariamente aberto ao público, cada consultório e clínica odontológica está permanentemente exposto a assaltos e outros crimes.

Barreiras físicas sozinhas não invertem a lógica perversa que cada profissional já vivencia todos os dias: De onde virá a ameaça? Será que é hoje? Quem poderia me ajudar?

Na verdade essas barreiras até agravam tal lógica: nos dois episódios, os criminosos, uma vez dentro do consultórios, tinham o isolamento a favor deles: Quem vai ver o que está acontecendo aqui? Quem vai poder fazer alguma coisa?

Essa comunidade pode inverter esse efeito: serão vários os mecanismos de prevenção e alerta e vários os agentes de notificação e reação – todos coordenados por uma rede social especializada em incidentes de segurança.

Queremos criar um ambiente de trabalho onde qualquer agressor pensará: De onde virá o alerta? Será que a polícia já foi avisada? Quem será que me viu?

Uma rede social encurta distâncias e atravessas barreiras físicas. Uma comunidade atuante pode estar em todo lugar, o tempo todo.

Esse efeito ostensivo esperado será tão ou mais eficaz que o efeito individual (câmeras de segurança, por exemplo). E só uma comunidade articulada e suportada por tecnologia adequada pode produzi-lo.

Veja o selo que será oferecido a todos os cirurgiões-dentistas regularmente inscritos no CROSP