line
logo
Menu
Notícias Ver todas
CROSP identifica exercício ilegal da profissão em Sorocaba
06/09/2018
<
>
13/09/2018

Fórum reúne centena de profissionais para debater boas práticas em CTBMF

Cirurgiões-dentistas, representantes de operadoras de saúde, entidades da área e do poder público participaram do III Fórum de Boas Práticas em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial promovido pelo Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP), em 11.09, na Casa da Odontologia Paulista. O encontro, que reuniu mais de 100 pessoas, abordou questões de grande relevância para a valorização da especialidade e consequente melhoria do atendimento à população. O presidente do Conselho em exercício, Marcos Jenay Capez, comentou a evolução e maturidade da inciativa. “A cada ano, o evento organizado pela nossa Câmara Técnica de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial (CTBMF) tem reunido um número maior de pessoas, reafirmando o interesse das partes envolvidas em dialogar e aprofundar os debates”, disse. “Explorar as boas práticas da profissão, não somente dentro da especialidade de cirurgia, é fundamental para a valorização da Odontologia e prestação de serviços qualificados à população”, completou. O Fórum foi dividido em duas etapas e contou com palestras de especialistas. Os reflexos do direito do consumidor nas cirurgias bucomaxilofacial foi o tema abordado pelo promotor de justiça Fabiano Augusto Petean. Segundo ele, há denúncias de ambos os lados, inclusive do consumidor. Por isso, inclusive, é tão fundamental que o profissional mantenha uma documentação organizada de todos os procedimentos realizados. Petean também destacou a importância de o Conselho considerar o Termo de Ajuste de Conduta (TAC) para estipular as diretrizes no atendimento. “No caso de denúncia, basta que utilizem este acordo e o executem”, destacou. A participação do convidado foi avaliada como ápice do evento pelo presidente da Câmara Técnica de CTBMF, José Roberto Barone. “Foi a primeira vez que tivemos a presença de um promotor e a palestra do Dr. Petean foi fundamental para nos ajudar a identificar formas de prevenção”, destacou. “Em breve, a Câmara Técnica começará a organizar a próxima edição do Fórum”, adiantou. A reunião também contou com a presença de Leo Santos, que apresentou palestra sobre a visão das operadoras de saúde no que tange os itens sem cobertura (Resolução Normativa 428). Ele falou sobre o atual modelo dos planos de saúde enfatizando que o foco deveria ser na prevenção e, não somente, no tratamento. Debate No período da tarde, o presidente em exercício do CROSP, Marcos Jenay Capez, ao lado de Wilson Chediek, da Comissão de Ética do Conselho, e Rogério Adib Kairalla, da Tomada de Contas do CROSP, compuseram a mesa de debate também marcada pela presença de José Barone, da Câmara Técnica de CTBMF. Foram convidados a participar o cirurgião-dentista e membro do Comitê Gestor das Câmaras Técnicas do CROSP, Sidney Neves; o presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial (Sobracibu), Nelson Corazza; e Marcelo Marotta Araújo, representando o presidente do Colégio Brasileiro de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial, José Rodrigues Laureano Filho.  O membro da CT de CTBMF, Francisco de Menezes, mediou o debate. Na ocasião Chediek destacou importância da conscientização em relação à ética. Nesse sentido, ressaltou os resultados obtidos com o Programa Integração que leva palestras sobre temas da Odontologia para profissionais e estudantes da saúde em todo o Estado. “O objetivo é esclarecer os colegas como agir corretamente, principalmente em relação aos pacientes. Também temos no Conselho um setor de orientação, pois não podemos mais ter profissionais desqualificados por falta de informação”, apontou Chediek. Marcelo Araújo disse que o Colégio Brasileiro também tem trabalhado para orientar os profissionais. “Acredito que todos nós estamos tendo uma mesma leitura e a orientação é fundamental”. Outro ponto abordado e que não se restringe à especialidade de Bucomaxilofacial é a publicidade odontológica irregular nas redes sociais. O presidente da Sobracibu informou que a diretoria da entidade assumiu uma nova postura frente ao problema, coibindo publicações na internet sobre o trabalho realizado. Ele também aproveitou a oportunidade para parabenizar o Conselho pela realização de mais uma edição do Fórum. Levy Nunes, representando o Conselho Federal de Odontologia (CFO), e Maria Fernanda Montezuma Tricoli, que marcou presença em nome do Secretário de Estado da Saúde, Marco Antonio Zago, também elogiaram a iniciativa do CROSP e a participação dos presentes. Resultados De acordo com os organizadores do evento, entre 3% a 5% dos profissionais de CTBMF ainda cometem algum tipo de infração, inclusive de ordem ética, em sua atividade profissional. O contingente reforça a importância de continuidade do trabalho. “Ainda há muito para fazer, mas temos trilhado um caminho bastante construtivo e tranquilo, com a participação de todos os envolvidos”, comentou Rogério Kairalla. Para Sidney Neves o principal objetivo tem sido alcançado. “Temos dados positivos em relação à aplicação das boas práticas tanto no sistema público de saúde quanto na saúde suplementar”. Segundo ele, “a proposta é dar continuidade ao diálogo”.
Leia mais..
10/09/2018

Lei que integra cirurgiões-dentistas à equipe médica em hospitais é sancionada em Santos

O Projeto de Lei nº 192/2017, que determina a obrigatoriedade da assistência odontológica a pacientes internados em hospitais públicos e privados de Santos, foi sancionado pelo prefeito do município, em 05.09. Elaborado por Braz Antunes, cirurgião-dentista e diretor em Santos do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP), o projeto tem como principal objetivo melhorar as condições de vida do paciente que está acamado. Segundo Antunes, a presença do cirurgião-dentista nas equipes de atendimento ao paciente internado contribui para diminuição do risco de infecções, do tempo de internação e da quantidade de medicamentos prescritos. No caso de pacientes oncológicos que fazem quimioterapia, há ainda a diminuição da mucosite, uma inflamação que provoca feridas na boca e é recorrente em quem faz o tratamento. Santos é a segunda cidade do Estado, além da Capital, a contar com legislação voltada para Odontologia Hospitalar, habilitação que foi reconhecida pelo Conselho Federal de Odontologia em 2015. O Projeto de Lei nº 192/2017 foi discutido e aprovado pela Câmara Municipal de Santos em agosto deste ano. O Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP) acompanha as ações voltadas à saúde bucal em todo o Estado e considera a aprovação do projeto um exemplo para os demais municípios paulistas.  
Leia mais..
04/09/2018

35ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Odontológica (SBPqO) discute educação na saúde

O Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP) participou da 35ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Odontológica (SBPqO), realizada de 2 a 4 de setembro. O evento, promovido em Campinas, apresentou conteúdos científicos relacionados à Odontologia, por meio de cursos, palestras e simpósios com professores da área.  No dia 2, no período da tarde, o público acompanhou palestras proferidas pelo secretário-geral do CROSP, Marco Manfredini, e pela assessora do Conselho, Mary Caroline (Maine) Skelton Macedo. A noite, o conselheiro Nilden Carlos Alves Cardoso, marcou presença na solenidade de abertura, que também contou com a participação do presidente da SBPqO, Carlos Francci. A educação integralmente a distância na saúde foi o tema da palestra apresentada por Manfredini. Ele falou sobre a mobilização do Grupo de Trabalho de Educação do Fórum dos Conselhos Atividade Fim da Saúde (FCAFS), que tem realizado ações junto com o poder público com intuito de evitar o funcionamento e a abertura de novas vagas na modalidade EAD. O resultado do teste de progresso, coordenado pelo CROSP junto com instituições de ensino superior do Estado foi o assunto abordado pela assessora do Conselho. O teste foi aplicado em 2017 com o objetivo de verificar a evolução dos estudantes ao longo da graduação em Odontologia, para que seja possível obter dados relevantes para o aprimoramento das condições de infraestrutura, currículo e outras possíveis lacunas na formação. A SBPqO A Sociedade Brasileira de Pesquisa Odontológica é considerada uma das maiores sociedades científicas em pesquisa odontológica do hemisfério sul, e representa a divisão brasileira da International Association for Dental Research (IADR). Na última edição do evento estiveram presentes mais de cinco mil pesquisadores e estudantes, entre outros profissionais da área.
Leia mais..

Cirurgião-Dentista Empreendedor

Cirurgião-Dentista Empreendedor

Acesse aqui indicadores da Odontologia.

Acesse aqui indicadores da Odontologia.

Guia Prático - volume 3

Guia Prático - volume 3
Notícias Ver todas

CROSP identifica exercício ilegal da profissão em Sorocaba

Fórum reúne centena de profissionais para debater boas práticas em CTBMF

Lei que integra cirurgiões-dentistas à equipe médica em hospitais é sancionada em Santos

35ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Odontológica (SBPqO) discute educação na saúde

Destaques
Cirurgião-Dentista Empreendedor
Acesse aqui indicadores da Odontologia.
Guia Prático - volume 3
CROSP  ATENDE
Contato IMPRENSA
Como DENUNCIAR
Fale CONOSCO